sexta-feira, 25 de julho de 2008

Cidadania: brasileiro denuncia que foi impedido de entrar na Itália mesmo portando documentos.



Sexta-Feira - 25/07/2008

Flavio Miele, 32 anos, de São José dos Campos (SP), não teria conseguido entrar na Itália, mesmo portando todos os documentos exigidos pela lei de imigração no país. O fato teria ocorrido no último dia 10 de julho, no aeroporto Venice Treviso (próximo à cidade de Veneza), onde ele desembarcou originário de Londres.

Flavio Miele denuncia que foi a Itália para encaminhar o processo de cidadania italiana e, mesmo portando todos os documentos, foi expulso por oficial da imigração. Foto: Divulgação

Segundo Miele, que se dirigia a Itália para o encaminhamento da solicitação da dupla cidadania junto aos órgãos competentes, não foi suficiente a apresentação de todos os documentos exigidos, originais e traduzidos, além do dinheiro que dispunha para permanecer em território italiano.

“Foi negada a minha entrada no país sem mais explicações, fui tratado como bandido e quase ainda tenho retido meus documentos, pelo oficial da imigração, ao qual tive que implorar para que me devolvesse, pois era o que eu tinha de mais importante”, relata.

Ele conta que permaneceu preso numa sala do aeroporto das 9h30min às 14h40min, hora em que foi embarcado num vôo para deixar o país. “Meu advogado da Itália foi até o aeroporto e tentou argumentar com o oficial, mas ele disse que não ia fazer nada por mim, não queria e não ia fazer, e que poderia estar ali o Papa, que o problema era entre eu e ele e ele era quem mandava ali”, conta.

Já no Brasil, na casa de seus pais em São José dos Campos, Miele, que descende do italiano Umberto Miele (bisavô), questiona que providências deverão ser tomadas pela Embaixada da Itália no Brasil: “O que eu gostaria de saber é sobre o que a Embaixada poderia fazer por mim, uma vez que fui deportado da Itália”.


Oriundi

Um comentário:

Cris disse...

Leandro

Realmente as coisas estao complicadas por aqui! Eu tambem quase nao consegui entrar na Italia com o permesso na mao.... Tive que implorar pra entrar! E agora que com o novo pacote de segurança, as coisas irao piorar de verdade.

Um beijo prati